Incêndios em Portugal

Governo vai decretar situação de calamidade na Serra da Estrela

Governo vai decretar situação de calamidade na Serra da Estrela
PATRICIA DE MELO MOREIRA/Getty Imagens
Da reunião entre Governo e autarcas dos concelhos afetados saiu ainda a definição de um calendário
Loading...

No final da reunião em Manteigas para avaliar as necessidades e respostas integradas para estes concelhos após o incêndio na Serra da Estrela, a ministra da Presidência e o presidente da Câmara de Manteigas, em representação dos autarcas da Covilhã, Guarda, Celorico da Beira, Gouveia e Seia, falaram aos jornalistas.

“O Governo e os municípios estão articulados. [Esta reunião foi a] primeira de muitas e de muitas horas de trabalho que temos pela frente. (…) [A situação de calamidade] será decretado pelo Conselho de Ministros. [Quanto] aos calendários e aos territórios precisamos de fazer este diagnóstico, mas dará condições para que todos - Estado e autarquias - possam responder às necessidades deste território. Essa é garantia principal que aqui trouxemos, várias áreas do Governo, para mostrar que a intervenção aqui tem de ser integrada”, afirmou Mariana Vieira da Silva.

Antes, a ministra deixou uma palavra "de solidariedade e apoio a Manteigas, um dos mais afetados", e aos restantes concelhos atingidos pelo "incêndio de grandes dimensões", que consumiu "um quarto deste Parque Natural". "Aquilo que procurámos trazer foi a garantia de que, em várias fases, procuraremos resolver todos os problemas", vincou a governante.

No terreno, referiu, estão já em prática algumas medidas como "o apoio à alimentação animal, a recuperação e retirada de madeira queimada, bem como apoio social". Mas, revelou Mariana Vieira da Silva, "nos próximos 15 dias será feito um levantamento de todos os danos e prejuízos".

Será um trabalho conjunto que os "diferentes organismos com os municípios farão" e quando estiver concluído "o Governo aprovará o conjunto de respostas a este incêndio", esclareceu a ministra da Presidência, garantindo que Governo e autarquias estão "articulados".

Loading...

Antes da declaração de Mariana Vieira da Silva, o autarca de Manteigas, Flávio Massano, explicou que o plano do Governo para a Serra da Estrela consiste em três fases. A primeira, de resposta imediata, e que já está no terreno, e em Setembro arrancará um grande plano de revitalização da região.

“Já há trabalho de campo, já estão a ser consolidadas e postas em prática várias medidas de curto prazo. (...) Para o futuro é preciso planear, é preciso fazer mais pela Serra da Estrela para que continue a ser um dos ativos mais importantes do centro do país e de Portugal. A partir de setembro passaremos para a segunda fase, depois de estabilizado todo o solo e todo o território, passaremos para a construção do grande plano de revitalização da Serra da Estrela"

Na reunião desta segunda-feira em Manteigas estiveram presentes além da ministra da Presidência, o ministro da Administração Interna, a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, o ministro do Ambiente e da Ação Climática, a ministra da Coesão Territorial e a ministra da Agricultura e da Alimentação.

Últimas Notícias
Mais Vistos