Isabel II

Morte da Rainha Isabel II: Santos Silva diz ser "uma perda muito grande também para Portugal"

Rainha Isabel II
Rainha Isabel II
KIRSTY O'CONNOR
O presidente da Assembleia da República lembra a aliança entre Portugal e o Reino Unido e destaca a sua longevidade.

O presidente da Assembleia da República de Portugal, Augusto Santos Silva, enalteceu esta quinta-feira "a enorme contribuição da rainha Isabel II para a democracia britânica" e considerou que a sua morte "é uma perda muito grande também para Portugal".

A Rainha Isabel II morreu esta quinta-feira aos 96 anos no Castelo de Balmoral, na Escócia. O óbito foi anunciado pela família real britânica.

"Eu lamento muito o falecimento da rainha Isabel II, ao fim de 70 anos de reinado, ao fim de uma vida longa, em que ela personificou melhor que ninguém o monarca de uma monarquia constitucional", declarou Augusto Santos Silva aos jornalistas, num hotel de Brasília.

Loading...

O presidente da Assembleia da República acrescentou que "é um dia de uma perda muito grande também para Portugal, que é um aliado histórico do Reino Unido", com o qual tem "a mais antiga aliança do mundo".

Em seu nome e do Parlamento português, endereçou "sentidas condolências" à Câmara dos Comuns, à Câmara dos Lordes e a todos os britânicos."A rainha Isabel II teve quinze primeiros ministros a trabalhar com ela e a todos prestou a colaboração institucional própria de um monarca constitucional", referiu.

Augusto Santos Silva deslocou-se a Brasília para as comemorações do bicentenário da independência do Brasil, a convite do presidente do Senado Federal brasileiro.

Últimas Notícias
Mais Vistos