Jogos Paralímpicos

Atletas paralímpicos recebidos em festa no aeroporto de Lisboa

A comitiva portuguesa conquistou duas medalhas, 23 diplomas e oito recordes nacinais.

Os atletas paralímpicos portugueses chegaram a Lisboa na tarde deste terça-feira. A receção da comitiva foi feita em clima de festa. Miguel Monteiro, no lançamento do peso, e Norberto Mourão, na canoagem, trouxeram duas medalhas olímpicas para Portugal.

As famílias e amigos esperaram pelos atletas no aeroporto para dar os parabéns com bandeiras e cartazes. Além das medalhas, os atletas conquistaram ainda 23 diplomas e alcançaram oito recordes nacionais.

Ana Sofia Antunes, secretária de Estado da Inclusão da Pessoa com Deficiência, esteve presente a representar o Governo. Mesmo que não tenha sido a prestação Paralímpica mais medalhada de sempre, os atletas estão satisfeitos com as conquistas.

Para já, devem descansar antes de voltar à competição. Os próximos jogos vão ser em 2024, em Paris, França.

► Veja mais:

  • Vamos falar de jejum: era capaz de ficar 16 horas por dia sem comer?

    País

    O jejum intermitente é um regime alimentar que impõe um período de restrição alimentar. Existem vários modelos, mas o mais conhecido é dividido em 16 horas de jejum e oito horas em que pode comer livremente. Os especialistas reconhecem benefícios nesta prática, mas afirmam que a investigação científica ainda é escassa.

    Exclusivo Online

    Filipa Traqueia