Legionella

Hotel em Faro encerrado devido a quatro casos de legionella

© Pascal Rossignol / Reuters

As autoridades de saúde suspenderam a atividade de um hotel de Faro que está "epidemiologicamente associado" a quatro casos detetados de Doença dos Legionários, revelou esta quarta-feira a Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve.

"Na sequência da notificação de quatro casos de Doença dos Legionários epidemiologicamente associados à permanência em estabelecimento hoteleiro de Faro, comunica-se que foram já adotadas medidas de prevenção e controlo para este tipo de situações", refere um comunicado da ARS do Algarve.

As análises efetuadas por uma equipa da Unidade de Saúde Pública e cujos resultados foram conhecidos hoje "revelaram forte positividade para a espécie Legionella pneumophila, em diversos pontos da rede predial de abastecimento" da unidade hoteleira, cujo nome a ARS não revela.

"Por este motivo, o delegado de Saúde do Agrupamento de Centros de Saúde Central, numa intervenção conjunta com a ASAE [Autoridade para a Segurança Alimentar e Económica], desencadeou as medidas consideradas necessárias à minimização do risco, tendo-se procedido à suspensão da atividade do referido hotel", acrescentou a mesma fonte.