Legislativas 2019

2015: A "geringonça"

2015: A "geringonça"

Em 2015, o PS forma o primeiro acordo à Esquerda em democracia.

Após quatro anos de governação, num país intervencionado pela "troika", a coligação PSD/CDS venceu as eleições com quase 37%, embora sem maioria absoluta.

O PS ficou em segundo lugar com mais de 32% e conseguiu o primeiro acordo à Esquerda em democracia.

Depois de anos de crise, económica e social, os partidos de Esquerda capitalizaram o descontentamento dos eleitores: o PCP e o Bloco de Esquerda subiram em votos e em número de deputados.

Mas a surpresa da noite eleitoral ficou a cargo do PAN, que conseguiu eleger um deputado.

Pedro Passos Coelho e Paulo Portas ainda apresentaram o programa de Governo no Parlamento, mas foi chumbado pela maioria de Esquerda, que já tinha um acordo para a formação de um Executivo minoritário do PS.

O Governo, liderado por António Costa, contou com o apoio do PCP, BE e PEV, que, com os socialistas, formaram o primeiro acordo à Esquerda em democracia.

Ficha técnica:

  • Jornalista: Carolina Botelho Pinto
  • Grafismo: Paulo Alves
  • Produção: Diogo Amador
  • Edição executiva de Tecnologia de Informação: Patrícia Moreira
  • Coordenação: Sandra Varandas
  • Pesquisa: Gesco e Arquivo SIC
  • O Milagre de Jesus
    25:48