Legislativas 2019

Ana Catarina Mendes diz que se Passos Coelho tiver "palavra" votará no PS

MIGUEL A. LOPES

Secretária-geral adjunta do PS lembrou declarações do antigo primeiro-ministro.

A cabeça de lista do PS por Setúbal, Ana Catarina Mendes, disse esta quinta-feira que, se for "um homem de palavra", o ex-presidente do PSD Pedro Passos Coelho votará no PS nas eleições do próximo domingo.

Num comício em Setúbal, a dirigente socialista questionou onde tem estado Passos Coelho nesta campanha eleitoral e referiu que o ex-líder do PSD, no passado, disse que se os resultados da governação do PS fossem positivos, votaria no PS.

"Por isso, se for um homem de palavra, no próximo domingo votará no PS, porque nós conseguimos. Sim, foi possível virar a página da austeridade", declarou a secretária-geral adjunta do PS, que na sua intervenção elogiou António Costa e o seu governo.

Ana Catarina Mendes lembrou que foi na praça do Bocage, no centro da cidade, onde decorreu o comício de hoje, que em 1995 fez o seu primeiro discurso, numa altura em que "Setúbal vivia a fome" e as consequências do encerramento da Lisnave.

A cabeça de lista socialista por Setúbal justificou a ausência de Passos Coelho nesta campanha eleitoral com o facto de o social-democrata ter vaticinado que os resultados do PS "seriam resultados fracassados", o que, segundo Ana Catarina Mendes, não aconteceu.

No início da sua intervenção, no penúltimo dia da campanha eleitoral, Ana Catarina Mendes dirigiu palavras de homenagem a Diogo Freitas do Amaral, fundador do CDS e antigo ministro, que morreu hoje aos 78 anos.

A cabeça de lista aproveitou também para enumerar alguns dos membros da lista de candidatos do PS pelo distrito de Setúbal.

Lusa