Liga Europa

UEFA passa Vorskla-Arsenal para Kiev devido a lei marcial na Ucrânia

Valentyn Ogirenko

A UEFA anunciou esta terça-feira ter passado o jogo entre o Vorskla Poltava e o Arsenal, do grupo E da Liga Europa de futebol, depois de o parlamento ucraniano ter aplicado a lei marcial em partes do país.

Segundo a UEFA, o jogo de quinta-feira foi transferido para a capital da Ucrânia "por razões de segurança", ainda que Poltava, como Kiev, não seja uma das cidades abrangidas pela lei marcial.

"A UEFA vai continuar a monitorar e avaliar a segurança na Ucrânia nos próximos dias antes de tomar qualquer decisão sobre a realocação de outros jogos", pode ler-se em comunicado.

Um dos encontros que pode estar em causa é a receção do Shakhtar Donetsk, treinado por Paulo Fonseca, ao Lyon, em 12 de dezembro, marcado para Kharkiv, em zona de lei marcial.

O Sporting, também inserido na 'poule' E, bateu o Vorskla em Poltava por 2-1 em 04 de outubro, visitando na quinta-feira o Qarabag, antes de receber os ucranianos na sexta e última jornada, em 13 de dezembro.

A imposição da lei marcial é a resposta ucraniana à captura de três navios, com 24 marinheiros, por parte de guardas de fronteira russos, num conflito que remonta à disputa pela península da Crimeira, anexada pela Rússia em 2014.

Lusa