Operação Fizz

Ministério Público quer investigar banqueiro Carlos Silva e advogado Proença de Carvalho

Ministério Público quer investigar banqueiro Carlos Silva e advogado Proença de Carvalho

Investigação surge no âmbito do processo da Operação Fizz.

O Ministério Público quer investigar o presidente do Banco Privado Atlântico, Carlos Silva, por corrupção e branqueamento de capitais, no caso que levou à condenação do procurador Orlando Figueira.

A investigação vai ainda visar o advogado Proença de Carvalho por suspeitas de falso depoimento.