Orçamento do Estado

PCP ainda sem reunião marcada com o Governo para negociar OE2021 

Jerónimo de Sousa abriu no domingo, durante o discurso de encerramento da Festa do Avante!, a porta à negociação, mas o partido ainda não tem data para reunir com o primeiro-ministro. 

Depois de ter dito que dispensa um acordo de legislatura, com papel assinado, Jerónimo de Sousa, secretário-geral do PCP, mostrou o domingo disponibilidade para negociar com o Governo para o Orçamento do Estado do próximo ano, desde que António Costa responda às exigências do partido.

Mas depois de ter adiado a reunião com o primeiro-ministro, marcada para o final do mês passado, o PCP não tem ainda nova data para o encontro com o governo, embora as linhas vermelhas já tenham sido traçadas: quer um aumento do salário mínimo nacional, o alargamento do subsídio de desemprego e um reforço do seu montante e duração.

O Orçamento do Estado tem de seguir para o Parlamento até 9 de outubro.