Orçamento do Estado

Orçamento do Estado. Primeiro-ministro mostra-se positivo sobre negociações

Financiamento do Novo Banco é um dos “temas quentes”.

O primeiro-ministro diz que as negociações para o Orçamento do Estado estão a ir num bom sentido, mas o Bloco de Esquerda mostra-se insatisfeito com o resultado das conversações. Catarina Martins diz que o Governo se tem recusado a concretizar propostas.

O partido já fez saber que não viabilizará um Orçamento que autorizasse uma nova injeção pública no Novo Banco. O assunto já foi discutido com o ministro das Finanças e a única alternativa do Governo é pedir que sejam os bancos a assumir a transferência do Estado.

Presidente da República e primeiro-ministro reforçam que não é tempo para uma crise política

Em plena negociação, o Presidente da República e o primeiro-ministro voltam a alertar que não é tempo para uma crise política.

A duas semanas da entrega do Orçamento do Estado, mantém-se o braço de ferro com o Bloco de Esquerda, que é essencial para o documento ser aprovado e evitar uma crise política.

O Orçamento precisa de luz verde do Parlamento. Não tendo maioria, o Governo precisa de, pelo menos, obter a abstenção do Bloco de esquerda.

  • 2:37
  • Marcelo Rebelo de Sousa: aprender a perder para depois ganhar o país

    Presidenciais

    Marcelo Rebelo de Sousa foi um predestinado. Nasceu e cresceu à boleia da ditadura, mas a sua luta foi pela democracia. Parecia não alimentar a vontade de alcançar altos cargos políticos e chegou mesmo a invocar o nome de Deus em vão: "Nem que Cristo desça à Terra!", dizia Marcelo. Declarou também que dez anos como Presidente da República era muito tempo. Mas ei-lo de novo a contrariar-se e a seguir o caminho que já lhe vinha a ser apontado.

    Ana Luísa Monteiro