Orçamento do Estado

PCP diz que vai continuar a bater-se pelos problemas económicos e sociais do país

Partido quer intervir no Orçamento do Estado para dar resposta aos cidadãos.

O secretário-geral do PCP afirmou que o partido intervém na discussão sobre o Orçamento do Estado de 2021 para dar resposta aos problemas económicos e sociais do país e não para responder a crises políticas criadas artificialmente.

Jerónimo de Sousa garantiu que o PCP não faltará com a sua iniciativa e proposta em todos os momentos em que se decida sobre a vida do país.

Acusa Rio de falsidade

Num discurso de quase meia hora, o secretário-geral do partido falou ainda do PSD, acusando Rui Rio de falsidade.

Jerónimo diz que Avante! foi um "êxito" face aos que falavam em “suicídio coletivo”

Durante o encontro no âmbito das comemorações do centenário do PCP, houve ainda espaço para recordar aqueles que estiveram contra a realização da Festa do Avante! e afirmar que o partido comunista mostrou sentido de responsabilidade e coragem na realização do festival.

  • 2:37
  • Marcelo Rebelo de Sousa: aprender a perder para depois ganhar o país

    Presidenciais

    Marcelo Rebelo de Sousa foi um predestinado. Nasceu e cresceu à boleia da ditadura, mas a sua luta foi pela democracia. Parecia não alimentar a vontade de alcançar altos cargos políticos e chegou mesmo a invocar o nome de Deus em vão: "Nem que Cristo desça à Terra!", dizia Marcelo. Declarou também que dez anos como Presidente da República era muito tempo. Mas ei-lo de novo a contrariar-se e a seguir o caminho que já lhe vinha a ser apontado.

    Ana Luísa Monteiro