Palavras para Quê...?

Palavras para Quê...?

Imagem da bandeira da seleção olímpica do Brasil projetada na estátua do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro. Uma iniciativa do Comité Olímpico Brasileiro que pretende realçar a importância do desporto na luta contra a covid-19, numa altura em faltam cem dias para o arranque dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Lucas Dumphreys/ AP

  • Confidentes de alunos e cúmplices de professores: o braço contínuo

    País

    Chamam-lhes “funcionários” porque funcionam. A expressão até parece sugerir que eles são os únicos que “funcionam”, dentro de uma escola. Acalmem-se os tolos. Significa apenas que os “assistentes operacionais”, ou “auxiliares de ação educativa”, títulos mais pomposos do que “contínuos” – expressão que estimo muito - são pau para toda a colher.

    Opinião

    Rui Correia

  • O planeta em que todos vivemos

    Futuro Hoje

    O Planeta Lourenço terá que ser ainda mais simples e eficaz na mensagem. É um risco. Frequentemente, quando me mostram aparelhos ou programas as coisas falham, é o que chamo de síndrome da demonstração. Mas isto acontece na vida real, é assim que vamos fazer.

    Opinião

    Lourenço Medeiros