Os números da Covid-19

Portugal com mais uma morte e 324 novos casos de covid-19 em 24 horas

Pedro Nunes

O último balanço da DGS.

Portugal contabiliza este domingo mais uma morte e 324 novos casos de covid-19, segundo o relatório diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

A morte registada nas últimas 24 horas ocorreu na região do Norte.

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 16.992 mortes e 839.582 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, estando este domingo ativos 22.313 casos, mais 53 em relação a sábado.

O boletim da DGS revela que estão internados 268 doentes, mais oito do que no sábado. Nos cuidados intensivos estão 74 doentes.

Os dados indicam ainda que mais 270 doentes foram dados como recuperados, fazendo subir para 800.277 o número total de recuperados desde o início da pandemia em Portugal, em março de 2020. As autoridades de saúde têm sob vigilância 20.261 contactos, menos 395 relativamente ao dia anterior.

Dados por região

Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificadas 107 novas infeções, contabilizando-se até agora 317.235 casos e 7.201 mortos. A região Norte tem hoje 153 novas infeções por SARS-CoV-2, totalizando 337.383 casos de infeção e 5.345 mortes.

Na região Centro registaram-se mais 21 casos, acumulando-se 119.040 infeções e 3.016 mortos. No Alentejo foram assinalados mais quatro casos, totalizando 29.859 infeções e 971 mortos desde o início da pandemia. Na região do Algarve o boletim revela que foram registadas mais 21 infeções, acumulando-se 21.840 infeções e 360 mortos.

A região Autónoma da Madeira registou dois novos casos, contabilizando 9.334 infeções e 68 mortes devido à covid-19. Os Açores têm mais 16 novas infeções e contabilizam 4.891 casos e 31 mortos desde o início da pandemia, segundo a DGS.

Dados por faixa etária e género

O novo coronavírus já infetou em Portugal pelo menos 381.084 homens e 458.164 mulheres, mostram os dados da DGS, segundo os quais há 334 casos de sexo desconhecido, que se encontram sob investigação, uma vez que esta informação não é fornecida de forma automática.

Do total de vítimas mortais, 8.926 eram homens e 8.066 mulheres. O maior número de óbitos continua a concentrar-se nos idosos com mais de 80 anos, seguidos da faixa etária entre os 70 e os 79 anos. Do total de mortes, 11.176 eram pessoas com mais de 80 anos, 3.619 com idades entre os 70 e os 79 anos, e 1.525 tinham entre os 60 e os 69 anos.

Pessoas que têm entre 60 e 65 anos já podem autoagendar a vacinação

A vacinação contra a covid-19 está prestes a entrar numa nova fase e, nesta altura, há a possibilidade do autoagendamento para quem tem mais de 60 anos.

Estava previsto que esta fase se inicasse no final da semana, mas acabou por ser antecipada. Os cidadãos com mais de 60 anos podem agora fazer o autoagendamento da vacina contra a covid-19 no portal disponível no site da DGS.

O objetivo é aumentar o ritmo de vacinação e atingir de forma consistente as 100 mil vacinas administradas por dia. A meta já foi alcançada na última quinta-feira, mas a task force compromete-se a torná-la regular.

Veja também:

LINKS ÚTEIS