Os números da Covid-19

Portugal com mais uma morte e 789 novos casos de covid-19

Lisboa

Felix Kayser / EyeEm

O último balanço da Direção-Geral da Saúde.

Portugal contabiliza este sábado uma morte e 789 novos casos de covid-19, segundo o relatório diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 17.045 mortes e 856.740 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, estando este sábado ativos 24.601 casos, mais 12 em relação a sexta-feira.

O boletim da DGS revela que estão internados 300 doentes, menos seis do que ontem.

Nos cuidados intensivos estão 77 doentes, mais cinco em relação a ontem.

A região de Lisboa e Vale do Tejo registou 480 novos casos, o que representa 60,8% do total nacional.

Segundo a DGS, a morte registada ocorreu na região Norte.

Os casos de covid-19 nas últimas 24 horas são sobretudo entre as faixas etárias dos 10 aos 59, totalizando 79% das novas infeções, sendo em maior número entre os 20 e os 29 e os 40 e os 49.

Os dados divulgados pela DGS mostram também que 776 pessoas foram dadas como recuperadas nas últimas 24 horas, o que aumenta o total nacional para 815.094 recuperados.

Dados por região


Na região de Lisboa e Vale do Tejo foram notificadas 480 novas infeções, contabilizando-se até agora 325.561 casos e 7.225 mortos.

A região Norte tem hoje 154 novas infeções por SARS-CoV-2, totalizando 342.223 casos de infeção e 5.359 mortes desde o início da pandemia.

Estas duas regiões têm 80,3% do total de novas infeções nas últimas 24 horas.

Na região Centro registaram-se mais 62 casos, acumulando-se 120.431 infeções, e 3.025 mortos.

No Alentejo foram assinalados mais 14 casos, totalizando 30.412 infeções, e 971 mortos desde o início da pandemia.

Na região do Algarve o boletim de hoje revela que foram registados 25 casos, acumulando-se 22.583 infeções, e 363 mortos.

A região Autónoma da Madeira registou 10 novos casos, totalizando 9.783 casos e 69 mortes devido à covid-19 desde março de 2020.

Os Açores têm hoje 44 novos casos e contabilizam 5.747 casos e 33 mortos desde o início da pandemia.

As autoridades regionais dos Açores e da Madeira divulgam diariamente os seus dados, que podem não coincidir com a informação divulgada no boletim da DGS.

Dados por género e faixa etária

O novo coronavírus já infetou em Portugal pelo menos 389.677 homens e 466.667 mulheres, mostram os dados da DGS, segundo os quais há 396 casos de sexo desconhecido, que se encontram sob investigação, uma vez que esta informação não é fornecida de forma automática.

A maior parte dos casos de covid-19 situa-se entre as faixas etárias dos 20 aos 59 anos, sendo o grupo entre os 40 e os 49 com o maior número de infetados desde o início da pandemia (142.330), seguido dos 50 aos 59 (126.755), dos 30 aos 39 (123.539) e dos 20 aos 29 (123.169).

Do total de vítimas mortais, 8.951 eram homens e 8.094 mulheres.

O maior número de óbitos continua a concentrar-se nos idosos com mais de 80 anos, seguidos da faixa etária entre os 70 e os 79 anos.

A pandemia de provocou, pelo menos, 3.787.127 mortos no mundo, resultantes de mais de 175,1 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Incidência a subir: Portugal pode ultrapassar linhas vermelhas daqui a 15 dias

Portugal pode ultrapassar as linhas vermelhas da pandemia já daqui a duas semanas, o que obriga o Governo a rever o processo de desconfinamento do país. O aviso é da Direção-Geral da Saúde e do Instituto Ricardo Jorge.

A região de Lisboa e Vale do Tejo é a que tem o risco de transmissão mais elevado.

O número de internados nos cuidados intensivos também tem estado a subir, sobretudo no continente.

  • Dentro do coração
    4:23

    Futuro Hoje

    Há 7 anos no Futuro Hoje mostrámos pela primeira vez um pacemaker que se instala dentro do coração. Em Portugal há muitas pessoas a quem este aparelho salvou a vida. Só o Dr. Diogo Cavaco, cardiologista que introduziu esta técnica no país, já instalou mais de cem aparelhos destes.