Mundo

Identificado autor do atentado contra igreja em Alexandria

O ministro do Interior egípcio anunciou esta quarta-feira ter identificado o 'kamikaze' que efetuou no domingo um atentado contra uma igreja em Alexandria, no norte do país e que foi reforçada a segurança para a semana da Páscoa.

O ministro disse que "prosseguem os esforços" para identificar o autor do ataque cometido no mesmo dia contra uma outra igreja copta em Tanta, no norte do país.

Os dois atentados, no Domingo de Ramos, provocaram 45 mortos e foram reivindicados pelo grupo 'jihadista' Daesh.

No Cairo é visível o reforço da segurança, a dias da Páscoa, como no exterior da Catedral de São Marcos, sede do líder ortodoxo copta, onde vários polícias examinam a água e inspecionam os carros estacionados.

A tradicional época festiva está a ser encarada com uma especial apreensão após estes dois atentados, estando a segurança a ser reforçada para permitir uma sensação de segurança para os coptas egípcios.

"Nenhuma medida de segurança pode parar um bombista suicida com os ideais 'jihadistas' de explodir uma igreja", disse à agência noticiosa AP o engenheiro copta Emad Thomas, que acredita que os coptas vão continuar a ir rezar no domingo, tal como continuaram a ir à igreja apesar dos ataques anteriores.

"Os coptas egípcios confiam em Deus e não nas medidas de segurança", afirmou.

Lusa