Mundo

Colômbia vai pedir perdão por mortes no massacre de Santo Domingo

John Vizcaino

O Governo colombiano anunciou que vai pedir perdão pela responsabilidade em 17 mortes ocorridas numa operação aérea no dia 13 de dezembro de 1998 contra a povoação de Santo Domingo, no nordeste, junto à fronteira com a Venezuela.

Tudo aconteceu no dia 13 de dezembro de 1998. As Forças Armadas colombianas bombardearam a povoação de Santo Domingo, causando 17 mortos e 27 feridos.

No dia 30 de novembro de 2012, o Tribunal Interamericano dos Direitos Humanos condenou o Governo colombiano no âmbito do caso conhecido como massacre de Santo Domingo.

O ato do pedido de perdão pela responsabilidade das mortes ocorridas no ataque, anunciado ontem, vai ser presidido pelo ministro da Justiça, Enrique Gil Botero, que irá atuar como porta-voz do Estado, indicou a presidência colombiana em comunicado.

O evento, coordenado pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros com outras entidades, as vítimas e familiares, vai ter lugar na principal avenida da povoação de Santo Domingo, Arauca, onde ocorreu o ataque.

Lusa