Mundo

Imigrantes em Itália ameaçam raça branca, diz candidato a governador

Alessandro Bianchi

Um candidato a governador de uma região italiana desencadeou esta segunda-feira uma forte polémica ao afirmar que a Itália não pode aceitar todos os imigrantes que querem viver no país, se pretender que "a raça branca" deve continuar.

Os adversários políticos condenaram o comentário de Attilio Fontana, que está a concorrer na rica região da Lombardia, com o apoio de uma aliança do centro-direita. Líderes judeus já afirmaram que estas afirmações lhes recordam as leis raciais antissemitas do tempo da ditadura de Benito Mussolini.

Fontana afirmou à Radio Padania, do seu partido anti-imigrantes Liga, no domingo, que ser incapaz de "aceitar todos" os imigrantes não é "xenófobo ou racista", mas lógico.

A Itália tem de decidir, disse, "se a nossa raça branca, a nossa sociedade, deve continuar a existir ou não".

O líder da Liga, Matteo Salvini, vai concorrer às eleições nacionais de 4 de março.

Esta segunda-feira, Fontana atribuiu a sua expressão "raça branca" a um "lapso".

Lusa