Mundo

Mensagem de marinheiro apaixonado chega à Austrália

"Sinto tanta pena dela. Esta garrafa serve para expressar o afeto que tenho no coração". A declaração de amor de um marinho à sua noiva era para acabar no fundo do Oceano Índico. Contudo, a mensagem rumou até a uma praia na Austrália e chegou às redes sociais, onde os internautas sublinharam a ternura usada naquela carta escrita em mandarim.

Um funcionário de uma empresa de excursões encontrou uma garrafa coberta em cracas, há duas semanas, na praia de Airlie, no estado australiano de Queensland. A própria empresa recorreu às redes sociais para mostrar o achado e "aguçar o apetite" dos seus seguidores por mais pormenores sobre aquela garrafa.

No interior da garrafa, estava uma mensagem em mandarim. Uma língua desconhecida que levou a empresa a pedir ajuda para traduzir a carta.

"Sou um marinho, atualmente a navegar no Oceano Índico. No fundo do coração, sinto tanta falta da minha noiva. Vim para o mar assim que casei. Tento tanta pena dela. Esta garrafa serve para expressar o afeto que tenho no coração. Espero que assim que chegar a casa, possa ficar para sempre com a Jing. (...) Não espero que alguém encontre esta garrafa ou que a abra. Só estou à procura de algum conforto para o meu coração. Amo-te Jing."

Mas a mensagem não ficou no fundo do mar e acabou por invadir as redes sociais, com os internautas a reconhecerem o carinho passado para aquela declaração de amor.

"É maravilhoso ter um marido destes. Se o meu ex-namorado fosse como ele, nunca tínhamos terminado", disse uma mulher de Tianjin, citada pela BBC. "Existe uma coisa chamada amor verdadeiro", disse outra pessoa de Shanxi.

Até ao momento, nem o marinheiro, nem a sua eterna amada foram encontrados, ficando apenas a esperança do caminho que a garrafa ainda pode percorrer e das pessoas a que pode chegar.