Mundo

Autoridades irlandesas encontram pacote suspeito idêntico aos do Reino Unido

Pacote será semelhante aos pacotes descobertos no início do mês em Londres e Glasgow.

Um pacote suspeito foi encontrado esta sexta-feira em Limerick, oeste da Irlanda, anunciou a polícia irlandesa indicando que parece ser idêntico a uma série de engenhos enviados para o Reino Unido no início do mês.

Segundo a agência de notícias France Presse (AFP), o pacote suspeito foi descoberto num centro de triagem de correspondência em Limerick, oeste da Irlanda e levou à evacuação do local, antes da chegada de uma equipa de minas e armadilhas.

"Este pacote parece ser idêntico aos pacotes (...) descobertos no início deste mês em Londres e Glasgow", indicou um porta-voz da polícia irlandesa.

Carimbo no pacote é semelhante

Também o ministro da Justiça da Irlanda, Charlie Flanagan, referiu que um carimbo no pacote é semelhante ao das cartas enviadas para o Reino Unido no início deste mês.

Em 05 de março, a unidade de combate ao terrorismo da polícia britânica revelou estar a investigar três pacotes armadilhados descobertos em dois aeroportos e uma estação de comboios, em Londres.

A polícia indicou ter encontrado envelopes brancos de tamanho A4 com saquetas almofadadas no interior que continuam pequenos dispositivos explosivos improvisados capazes de se incendiar após serem abertos.

O primeiro alarme foi dado num edifício onde está a sede da administração do aeroporto de Heathrow, no oeste de Londres, quando um pacote foi aberto pelos funcionários, o que resultou na ignição do explosivo, mas sem causar feridos. Um outro pacote suspeito foi identificado na sala de correios da estação de Waterloo, mas não foi aberto e a polícia conseguiu neutralizá-lo sem afetar o funcionamento da estação ferroviária.

O terceiro pacote suspeito foi encontrado num edifício do aeroporto de City, o que também levou a polícia a retirar os funcionários e a interromper temporariamente o metro de superfície Docklands Light Railway (DLR) enquanto neutralizavam o explosivo.

Um grupo dissidente do IRA (Exército Republicano Irlandês) reivindicou a responsabilidade.

Lusa

  • Minutos salva-vidas
    20:48