Mundo

Cerca de 40 mortos na Indonésia devido a inundações e deslizamentos de terra

Antara Foto Agency

Há ainda mais de uma dezena de desaparecidas, informaram hoje as autoridades de Jacarta.

Segundo a agência de gestão de catástrofes, 29 pessoas morreram e 13 estão desaparecidas na província de Bengkulu, na ilha de Sumatra, onde chuvas torrenciais caem há vários dias.

Na província vizinha de Lampung, um deslizamento de terras matou uma família de seis pessoas, enquanto em Jacarta as inundações fizeram pelo menos dois mortos.

Na província de Bengkulu, 12.000 habitantes foram retirados das zonas de risco, enquanto em Jacarta as autoridades retiraram 2.000.

Centenas de edifícios, pontes e estradas sofreram danos.Inundações e deslizamentos de terras provocados por chuvas torrenciais são frequentes no arquipélago do sudeste asiático, em particular no período das monções, entre outubro e abril.

As autoridades explicaram que os efeitos das intempéries dos últimos dias foram agravados em Sumatra pela extração ilegal de carvão, que fragiliza os solos e favorece os deslizamentos de terras.

"Além dos fatores naturais, como as fortes chuvas, as inundações foram igualmente provocadas pela atividade humana que destrói o ambiente", disse Doni Monardo, responsável da agência de gestão de catástrofes, citado pela AFP.

Em março, avalanches e inundações que devastaram a cidade de Sentani e seus arredores, na província de Papua, no oeste do arquipélago, provocando a morte a mais de 180 pessoas.

Em janeiro, pelo menos 70 pessoas morreram vítimas das inundações e de deslizamentos de terra no sul da ilha de Celebes.

A Indonésia, com 17.000 ilhas, é um dos países mais afetados por desastres naturais no mundo, sofrendo frequentemente sismos e erupções vulcânicas.

Com Lusa

  • Minutos salva-vidas
    20:48