Mundo

Sismo de magnitude 6,8 em El Salvador

Bogdan Cristel

Não há indicação de vítimas nem de danos materiais.

Um sismo de magnitude 6,8 na escala de Richter sacudiu hoje de madrugada El Salvador e motivou um alerta de tsunami, mas até ao momento não há indicação de vítimas ou danos materiais, anunciou o Governo.

Segundo o Ministério do Meio Ambiente e Recursos Naturais (MARN), o sismo ocorreu às 03:06 locais (10:06 em Lisboa), teve uma profundidade de 48 quilómetros e o seu epicentro situou-se frente à costa do departamento de La Libertad, um subúrbio da capital regional Santa Tecla, e a 66 quilómetros a sul da praia Mizata.

As autoridades da Proteção Civil, citadas pela agência Efe, disseram nas redes sociais que algumas zonas do departamento de San Salvador e Usulután (este) se encontram sem energia elétrica e que a principal estrada que liga o centro com o oeste do país está encerrada por risco de derrocadas.

A instituição acrescentou que o sismo foi sentido a nível nacional e que "até este momento não há registo de pessoas afetadas", mas o Centro de Alerta de Tsunamis do Pacífico (PTWC) emitiu uma "advertência".

A maioria dos sismos em El Salvador tem origem no oceano Pacífico e a uma grande profundidade, o que muitas vezes os torna impercetíveis para a população.

No entanto, os que se originam perto da superfície são mais sentidos e mais destrutivos, gerando o alarme entre os habitantes.

No ano de 2001, dois graves sismos, de magnitudes 7,7 e 6,6 afetaram El Salvador e fizeram mais de um milhar de mortos.


O primeiro ocorreu em 13 de janeiro e causou 944 mortos, enquanto o segundo, em 13 de fevereiro, fez 315 mortos, danificou 82 edifícios públicos e destruiu 41.302 habitações.

Lusa