Mundo

Marinha brasileira resgata nove pessoas após naufrágio

Uma pessoa continua desaparecida.

A Marinha brasileira resgatou nove pessoas na noite de quinta-feira após o naufrágio de um navio de carga que fazia o percurso entre Recife e Fernando de Noronha, estando uma pessoa desaparecida, informou esta sexta-feira aquele ramo das Forças Armadas.

Das 10 pessoas que estavam a bordo da embarcação, nove foram resgatadas e socorridas pelo médico de um navio-patrulha da Marinha, e um homem continua desaparecido.

O navio de carga, denominado "Navegantes", saiu de Recife no dia 12, com destino ao arquipélago de Fernando de Noronha, e naufragou a uma distância de 80 milhas náuticas (equivalente a 148 quilómetros) do município de João Pessoa, capital do Estado da Paraíba.

"De início, tentámos a todo o custo trazer a embarcação de volta, mas depois vimos que tínhamos de lutar pela vida. A sensação ao ver o navio da Marinha é que estávamos a salvo", relatou José Batista da Silva, de 36 anos, um dos sobreviventes do naufrágio, citado pelo 'site' da Marinha brasileira.

De acordo com a imprensa local, a Marinha fará agora uma investigação para identificar as causas do acidente, tendo 90 dias para apurar os factos.

As buscas pela pessoa desaparecida prosseguem.

Lusa