Mundo

Navio humanitário com migrantes atraca em Lampedusa sem autorização, comandante detida

Navio humanitário com migrantes atraca em Lampedusa sem autorização, comandante detida

Matteo Salvini espera que Carola Rackete seja condenada a pena de prisão.

O ministro do interior italiano, Matteo Salvini, espera que a comandante alemã do navio Sea-Watch 3 vá para a prisão e diz que as ações do grupo de voluntários são criminosas.

O navio ONG alemã atracou hoje no porto da cidade italiana de Lampedusa sem autorização, invocando o estado de necessidade para desembarcar 40 migrantes, depois de 17 dias no mar.

A comandante da embarcação, Carola Rackete, de 31 anos, foi detida pela polícia italiana "por resistência ou violência contra um navio de guerra", crime que prevê uma pena de três a dez anos de prisão, noticiaram os 'media' locais.

  • Os tsunamis que arrasaram a Ásia em 2004 e 2011
    25:20