Mundo

"Tenho vergonha", a reação do Presidente italiano à libertação da capitã do Sea-Watch 3

"Tenho vergonha", a reação do Presidente italiano à libertação da capitã do Sea-Watch 3

Matteo Salvini indignado com a decisão do tribunal italiano da Sicília que diz que a alemã salvou vidas sem infringir a lei. 

A capitã, de 31 anos, foi detida no sábado depois de ter desafiado a "política de portos fechados" imposta pelo ministro do Interior italiano, Matteo Salvini, e as autoridades portuárias italianas ao ter atracado, sem autorização, o navio Sea-Watch 3 no porto de Lampedusa.