Mundo

Arcebispo do Vaticano em França perde imunidade diplomática após acusação de agressão sexual

Luigi Ventura com o Presidente francês, Emmanuel Macron

Yoan Valat

As autoridades francesas abriram uma investigação em janeiro.

O Vaticano retirou imunidade diplomática ao enviado da Igreja Católica em França. A notícia surge depois do arcebispo Luigi Ventura ser acusado de agressão sexual.

As autoridades francesas abriram uma investigação em janeiro, mas não tinham sido capazes de questionar o arcebispo até agora.

Em fevereiro, o Papa Francisco prometeu não poupar esforços para que os agressores sexuais da igreja fossem levados à justiça.

  • O que houve de melhor no SBSR
    11:16
  • Descobrir as rotas do Alentejo
    14:59