Mundo

Merkel assegura que está "muito bem" depois de novo episódio de tremores

Hannibal Hanschke

Este já é o terceiro episódio do género.

A chanceler alemã, Angela Merkel, assegurou hoje que está "muito bem", depois de uma nova crise de tremores em público, a terceira do género em menos de um mês.

"Estou muito bem, não há motivo para preocupação", disse a chefe do Governo da Alemanha à imprensa.

A crise de tremores ocorreu durante uma cerimónia oficial no exterior da chancelaria, em Berlim, quando Merkel recebia o primeiro-ministro da Finlândia, Antti Rine, e ambos escutavam os respetivos hinos nacionais.

O episódio é o terceiro do género, depois dos ocorridos a 18 e a 27 de junho, e, como nos anteriores, os tremores, desta vez menos intensos, passaram assim que Merkel começou a andar.

O primeiro episódio ocorreu num dia de altas temperaturas, também durante uma cerimónia de honras militares, de receção ao Presidente da Ucrânia, Volodimir Zelenski, e a chanceler, 64 anos, atribuiu-o a desidratação

Já o segundo, ocorrido durante uma cerimónia oficial em Berlim com o presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier, foi explicado por fontes próximas do executivo a ansiedade causada pelo primeiro incidente.

"Disse recentemente que estou a processar (psicologicamente) as honras militares com o Presidente Zelenski. Claramente isso ainda não terminou, mas há progressos", disse.

"Vou ter que viver com isto, por agora, mas estou muito bem e as pessoas não precisam de se preocupar", afirmou.Angela Merkel, que dentro de sete dias completa 65 anos, lidera o Governo da Alemanha desde 2005.

Lusa.

  • Vem aí o calor...
    1:01
  • O Super Bock Super Rock já começou
    13:21