Mundo

Depois de 11 anos em estado vegetativo, morreu um dos símbolos da eutanásia em França

Depois de 11 anos em estado vegetativo, morreu um dos símbolos da eutanásia em França

Vincent Lambert morreu na manhã desta quinta-feira, na presença de alguns dos familiares mais próximos, após uma longa batalha judicial que dividiu hospital e os pais do tetraplégico francês.

Supremo Tribunal francês colocou um ponto final à batalha judicial que durou 11 anos.

No início de julho, o hospital parou os tratamentos a Vincent Lambert.