Mundo

Traficante brasileiro que se vestiu de mulher para fugir da prisão encontrado sem vida

Clauvino da Silva enforcou-se com um lençol na cela.

Foi encontrado sem vida o traficante que tentou escapar da Prisão Gabriel Ferreira Castilho, no Rio de Janeiro, no passado sábado.

A notícia foi avançada pelo jornal Extra da Globo, que afirma que o líder de um gangue brasileiro, Clauvino da Silva, de 42 anos, se suicidou esta manhã na cela, depois de se ter enforcado com um lençol.

Com uma pena de 73 anos e 10 meses, o traficante brasileiro não conseguiu passar pelos guardas prisionais, e o vídeo em que é obrigado a tirar as roupas femininas, óculos, peruca e máscara de látex, que usou para esconder a identidade e se fazer passar por uma mulher, tornou-se viral.

A filha é suspeita de ter ajudado na tentativa de fuga, depois de ter visitado o recluso na mesma altura em que este tentou fugir. Ana Gabriele Leandro da Silva, de 19 anos, ficou na cela do pai durante a fuga, para que quando ele conseguisse escapar, pudesse recolher o cartão de visita que a filha havia deixado na portaria, e assim, quando ela se fosse embora, alegava que os funcionários tinham perdido o documento.

Os bombeiros e a Proteção Civil foram chamados de imediato ao local e já foi instaurado um inquérito para apurar as circunstâncias desta morte.

  • O que resta do Titanic?
    2:12