Mundo

Três mortos confirmados em queda de um raio no sul da Polónia

Peter Andrews

Não foram divulgadas ainda as nacionalidades dos turistas.

Três pessoas, entre as quais uma criança, morreram em consequência da queda de um raio sobre um grupo de turistas quando se encontrava nas montanhas Tatra, no sul da Polónia, anunciou hoje fonte oficial.


Segundo a porta-voz do governo provincial de Cracóvia, Joanna Pazdzio, o trágico balanço foi comunicado pelos responsáveis dos serviços de resgate que procuram socorrer as vítimas, um grupo de turistas que se encontrava no pico Giewont quando subitamente uma tempestade caiu sobre eles.


Citado pela agência Associated Press, o diretor do Serviço de Resgate de Tatra (TOPR), Jan Krzysztof, disse que um número indeterminado de pessoas morreu e pelo menos 12 ficaram feridas.


Kinga Czerwinska, do Serviço de Resgate Aéreo, disse que quatro helicópteros foram enviados para a zona do acidente e que a tempestade se abateu sobre o pico Giewont e outras áreas de Tatra.


Citado pela cadeia de televisão polaca TVN24, um dos turistas afirmou que o grupo não teve tempo para se refugiar porque a tempestade surgiu de repente.


"Estávamos a passear quando escutámos um trovão. Alguém disse que poderia ser um avião porque nada indicava que se estivesse a formar uma tempestade, mas era na verdade uma tempestade que se abateu sobre o grupo", explicou o turista.


Não foram divulgadas ainda as nacionalidades dos turistas.

Lusa