Mundo

Hong Kong prepara-se para retirar a polémica lei da extradição

Tyrone Siu

O anúncio formal deve ser feito nas próximas horas.

Apesar de ainda não ser oficial, a notícia está a ser avançada pelo South China Morning Post, que cita uma fonte do Governo da antiga colónia britânica.

A lei da extradição, que tem estado na base dos protestos dos últimos 3 meses, prevê a possibilidade de qualquer pessoa suspeita de crime, ser julgada na China continental, de acordo com as regras do regime de Pequim.

A retirada da lei é por isso uma cedência do Governo de Hong Kong ao movimento pró-democracia.

A lista de dos manifestantes tem, no entanto outras reivindicações, como a demissão da própria chefe de governo do território e a convocação de eleições.

  • “Entregues à Sorte” – Primeiro episódio
    30:41