Mundo

Palestiniana baleada pelas forças de segurança israelitas entre Jerusalém e a Cisjordânia

TWITTER

Vídeo que circula nas redes sociais mostra um membro das forças de segurança a balear uma mulher, a curta distãncia, e uma faca a cair da mão dela.

Uma mulher palestiniana que empunhava uma faca foi baleada hoje pelas forças de segurança israelitas, no cruzamento de Qalandiya, entre Jerusalém e a Cisjordânia ocupada, disseram fontes hospitalares e da polícia.


O porta-voz da polícia, Micky Rosenfeld, revelou que uma "terrorista" não identificada se aproximou das forças de segurança no cruzamento, empunhando uma faca e ignorando as ordens de paragem, até que as forças policiais a balearam na perna.


As equipas de socorro a trataram-na no local e transportaram-na para uma unidade hospitalar, mas a morte acabou mais tarde por ser confirmada pelo Hospital Hadassah, em Jerusalém.


Um vídeo que circula nas redes sociais mostra um membro das forças de segurança a balear uma mulher na perna, a curta distância, e uma faca a cair da mão dela.

Este incidente ocorreu após as eleições legislativas de Israel, que opuseram o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu ao ex-chefe do exército Benny Gantz.


No mês passado, dois menores palestinos esfaquearam um policia israelita na Cidade Velha de Jerusalém. Um dos agressores foi morto em retaliação, segundo o Ministério da Saúde da Palestina.

Com Lusa