Mundo

China apresenta novo helicóptero que parece um óvni

Pequim intitulou-o "Super grande tubarão branco" para a "batalha digital do futuro"

Nos últimos anos, Pequim tem vindo a desenvolver novas armas de alta tecnologia e renovou o armamento do Exército a ponto de conseguir desafiar o poderio dos Estados Unidos ou da Rússia, em alguns aspectos.

"É o resultado da estratégia multidimensional de aquisição de tecnologia para o Exército de Libertação Popular da China que está prestes a colocar no terreno alguns dos sistemas mais modernos do mundo",alerta um relatório da Agência de Inteligência de Defesa dos EUA.

Entre o arsenal de guerra do futuro está este helicóptero que a o jornal estatal chines The Global Times apresenta como uma fusão de vários aparelhos modernos como o Apache AH-64 ou o e o CH-53 Sea Stallion dos EUA, ou os helicópteros russos Ka-52 e Mi -26.

Há ainda vestígios do bombardeiro norte-americano B2 através do desigfn da asa, usado sobretudo em aviões furtivos.

O Super Great White Shark mede 7,6 metros de comprimento e quase três metros de altura e tem espaço a bordo para duas tripulações, com dois pilotos ao comando.

Com uma velocidade máxima anunciada de 650 quilómetros por hora o novo helicóptero de combate chinês pode ir atéaos 6.000 metros de altitude a uma velocidade de 16 metros e meio por segundo.

Os desenhos técnicos já divulgados comprovam a anunciada capacidade furtiva do aparelho, garantida pela carapaça externa arredondada que permite cobrir todos os ângulos do aparelho e dificulta a detenção pelos radares atuais.

O protótipo foi apresentado na semana passada na 5.ª Exposição de Helicópteros da China em Tianjin.

Para já trata-se apenas de um protótipo, mas as autoridades chinesas querem pô-lo no ar já no próximo ano na edição de 2020 do Airshow China em Zhuhai, no sul do país, segundo a Segundo a TV China.

Se o voo de teste correr bem, este será o 1.º helicóptero inspirado num OVNI nos céus.

Segundo os especialistas, os helicópteros do futuro vão marcar a diferença por serem cada vez mais silenciosos, rápidos, inteligentes e, sobretudo furtivos.