Mundo

11 mil cientistas pedem mudanças radicais nas políticas climáticas só para cumprir Acordo de Paris

11 mil cientistas pedem mudanças radicais nas políticas climáticas só para cumprir Acordo de Paris

Estudo publicado na revista BioSience diz que as alterações climáticas estão a evoluir mais depressa do que esperava.

Isto no mesmo dia em que os EUA formalizam saída do Acordo de Paris à ONU, num pesado revés para o controlo da poluição entre as maiores economias do mundo.

Pelo menos 130 países estão longe da meta fixada pelo Acordo de Paris, para a redução de 50% das emissões mundiais.