Mundo

Ministro palestiniano preso por atividades políticas em Jerusalém

Ronen Zvulun

Esta é a quarta vez que Fadi al-Hidmi é preso pela autoridades israelitas.

A polícia israelita prendeu hoje o ministro palestiniano responsável para as questões de Jerusalém por ter desrespeitado as ordens de Israel sobre atividades políticas na zona ocidental da cidade.

Fadi al-Hidmi foi preso em casa, perto do Monte das Oliveiras tendo o local sido revistado pela polícia que confiscou cerca de três mil euros em dinheiro.

Trata-se da quarta vez que o político palestiniano é preso pelas autoridades israelitas.

Israel ocupou e anexou Jerusalém ocidental em 1967. Os palestinianos pretendem Jerusalém ocidental para instalar a futura capital do Estado Palestiniano mas os israelitas encaram toda a cidade como a capital do Estado de Israel.

O porta-voz da polícia israelita, Micky Rosenfeld, disse que al-Hidmi foi preso "sob suspeita de atividades políticas palestinianas em Jerusalém".Rosenfeld acrescentou que a polícia confiscou documentos e "uma grande soma de dinheiro" ao ministro palestiniano.

  • 2:34