Mundo

Emenda permite quatro mandatos presidenciais na Rússia

Sputnik Photo Agency

Por voto de uma esmagadora maioria.

Na Rússia foi aprovada uma emenda constitucional que permite o prolongamento do mandato presidencial por mais 12 anos.

Por voto de uma esmagadora maioria, Vladimir Putin pode agora candidatar-se mais duas vezes e, em caso de vitória, manter-se-á no cargo até 2036.

É a primeira reforma constitucional desde a queda da União Soviética e que permite que um chefe de Estado possa manter-se no poder por quatro mandatos consecutivos, cada um de 6 anos.

Vladimir Putin foi Presidente da Rússia entre 2000 e 2008. Passou ainda pela chefia do Governo durante 4 anos até ser novamente eleito em 2012.