Mundo

Explosão em fábrica de fogo de artifício turca causa pelo menos dois mortos

Reuters TV

Há dezenas de feridos.

Pelo menos duas pessoas morreram hoje e mais de 70 ficaram feridas na sequência de uma forte explosão numa fábrica de fogo de artifício na Turquia, avançaram as autoridades locais.

Os números ainda podem aumentar já que poderiam estar cerca de 150 pessoas a trabalhar no local.

A explosão, descrita como "acidente industrial" pelas equipas de resgate, aconteceu no final da manhã em Hendek, na província de Sakarya, no noroeste da Turquia.

"Temos dois mortes e 73 feridos", avançou o ministro da Saúde da Turquia, Fahrettin Koca.

Segundo o governador de Sakarya, Oktay Kaldirim, no momento da explosão, estavam entre 150 e 200 pessoas dentro da fábrica.

O acidente provocou um cogumelo de fumo branco com centenas de metros e o som da explosão foi tão alto que pessoas que moram a 50 quilómetros de distância dizem ter ouvido e pensado tratar-se de um terramoto.

A resposta dos bombeiros e equipas está a ser dificultada porque continuam a registar-se explosões, acrescentou o governador.

O Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, enviou três ministros para o local.

A fábrica já viveu outras duas explosões, em 2009 e em 2014, que provocaram dois mortos e 40 feridos, referiu a imprensa local.