Mundo

Avó salva bebé de 3 meses ao atirá-la do 2.º andar de casa em chamas

Aconteceu no Brasil.

Uma mulher atirou a neta de três meses da varanda de uma casa em chamas em Cuiabá, no Brasil. Na segunda-feira, um incêndio que teve início num quarto destruiu todo o interior da casa onde uma família de 7 pessoas morava.

Jéssica Louhanny, a mãe da bebé, disse que quando se aperceberam do incêndio, os cortinados e o colchão do quarto já estavam a ser consumidos pelas chamas.

"Foi tudo muito rápido. Quando vimos, o fogo já estava à porta e a única forma de sairmos era pela varanda", contou à imprensa brasileira.

A mulher de 22 anos confessa que não teve coragem de atirar a filha do segundo andar porque teve medo que se magoasse. A avó da bebé, Vanessa Torres Nunes, é que acabou por fazê-lo. Na rua estava o padrasto de Jéssica que foi quem recebeu a bebé.

"Eu não consegui, tive medo. Mas foi esta a forma que a minha mãe encontrou para salvar a minha filha", conta.

De acordo com a família, os bombeiros demoraram quase uma hora a chegar e quando chegaram ao local já estava tudo destruído pelo fogo.

O incêndio fez um ferido, o padrasto de Jéssica Louhanny que sofreu queimaduras de primeiro e segundo grau.

  • 2:34