Mundo

Inferno no Oregon. Fogo pode causar "um grande número" de mortes

Twitter @ForestServiceNW

O rasto de destruição tem sido partilhado nas redes sociais pela população.

Centenas de casas foram já destruídas pelos incêndios que assolam o Oregon, nos Estados Unidos, e que podem causar "um grande número" de mortes, disse hoje a governadora do estado, Kate Brown.

Twitter @ForestServiceNW

Mais de 48.000 hectares arderam e pelo menos cinco localidades foram "em grande parte destruídas", enquanto as evacuações em massa estão em curso, acrescentou a governadora numa conferência de imprensa, sublinhando que o incêndio pode causar "o maior número de mortes e destruição na história" do estado do Oregon.

Alimentados pela seca e ventos fortes, incêndios de grandes proporções estão a alastrar pela costa ocidental dos Estados Unidos, desde o estado de Washington, na fronteira canadiana, até à fronteira mexicana, perto de San Diego, Califórnia.

"Nas últimas 24 horas, o Oregon foi atingido por incêndios sem precedentes, com danos significativos e consequências devastadoras para todo o estado", acrescentou Kate Brown.

A governadora diz esperar "muitas perdas, tanto em termos de edifícios, como de vidas".

As comunidades de Detroit, Blue River, Vida, Phoenix e Talent foram "destruídas em larga escala", informou Brown, enquanto alertava que as condições meteorológicas não melhoraram e outras comunidades estão em risco.

Na Califórnia, o fogo devastou este ano mais de 10.000 quilómetros quadrados e matou pelo menos oito pessoas, de acordo com os bombeiros.