Mundo

Israel assinou acordo de paz histórico com os Emirados Árabes Unidos e o Bahrein

Correspondente SIC

O correspondente da SIC no Médio Oreinte, Henrique Cymerman, explica o que motivou este acordo.

Israel assinou na terça-feira, na Casa Branca, nos EUA, o terceiro e quarto acordo de paz da sua história com os Emirados Árabes Unidos e com o Bahrein.

Em 2020 a história escreve-se de forma diferente, mas para o Médio Oriente, a cerimónia foi um raro momento de otimismo.

Os Emirados prometem que vai haver mais cinco países árabes que se irão juntar, no futuro, aos acordos de Abraão. Entre eles Oma, o Sudão, Marrocos, e o país mais esperado, a Arábia Saudita.

O facto de Israel e dos países árabes pragmáticos terem um inimigo comum - o Irão - foi um dos elementos importantes para alcançcar os acordos de Abraão.

Veja também:

  • 2:34