Mundo

Quatro pessoas morrem atingidas por raios durante trovoada em Moçambique

Reuters

Autoridades alertam para tempo instável previsto até quinta-feira.

Quatro pessoas morreram atingidas por raios durante uma trovoada, na segunda-feira, na província de Tete, no interior centro de Moçambique, anunciou esta quarta-feira o Instituto de Gestão de Calamidades (INGC).

As mortes aconteceram no distrito de Changara e entre as vítimas estão, de acordo com o INGC, uma idosa e uma criança de 3 anos.

As descargas elétricas provocadas pela trovoada provocaram ainda um ferido grave e incendiaram uma residência.

O avanço da época das chuvas provocou também estragos na província de Maputo durante esta madrugada.

Trovoadas, vento e chuva forte derrubaram árvores, postes de energia e danificaram várias infraestruturas públicas nos distritos de Matola, Boane e Marracuene.

Algumas escolas e edifícios públicos perderam a cobertura e noutros locais registaram-se inundações, indicou o INGC.

Entretanto, as autoridades moçambicanas alertaram na terça-feira para a possibilidade da ocorrência de "inundações urbanas moderadas" nas cidades da Beira e de Dondo, na província de Sofala, devido ao tempo instável previsto até quinta-feira no centro do país.

"As bacias hidrográficas dos rios Búzi e Púngué poderão registar incremento do volume de escoamento" e a Direção de Gestão de Recursos Hídricos moçambicana pediu à população que tome "medidas de precaução".

  • 3:13