Mundo

Autor do ataque que matou três pessoas num parque em Reading condenado a prisão perpétua

PETER NICHOLLS

Khairi Saadallah, que admitiu os homicídios, também se declarou culpado de três acusações de tentativa de homicídio.

Um refugiado líbio que matou três homens e feriu três outras pessoas à facada num parque em Reading em junho passado foi condenado hoje a prisão perpétua.

Khairi Saadallah, de 26 anos, assassinou James Furlong, David Wails e Joe Ritchie-Bennett, com idades entre os 36 e 49 anos, em 20 de junho do ano passado no parque de Forbury Gardens, na cidade cerca de 60 quilómetros a oeste de Londres.

Durante o julgamento, no tribunal Criminal de Old Bailey, em Londres, o Ministério Público afirmou que Khairi Saadallah esfaqueou as seis vítimas num período de dois minutos, enquanto gritava a frase em árabe "Allahu Akbar" ("Deus é grande").

Na altura a polícia qualificou o ataque de "natureza terrorista", mas o ataque não foi reivindicado por nenhuma organização.

Saadallah, que admitiu os homicídios, também se declarou culpado de três acusações de tentativa de homicídio.