Mundo

Altas temperaturas batem recordes em Moscovo

Os meteorologistas afirmam que os termómetros vão continuar a subir nos próximos dias.

A cidade de Moscovo registou, esta terça-feira, o dia de abril mais quente, com os termómetros a chegar aos 21ºC. Os meteorologistas dizem que este recorde pode ser batido nos próximos dias, já que o tempo quente vai continuar na capital russa.

De camisola, manga curta e calções, os cidadãos enchem parques e jardins. Apesar do entusiasmo geral que o calor fora de época traz, á também um preço: os peritos insistem que é a mais evidente consequência das alterações climáticas provocadas pelo aquecimento global.

O Governo russo, apesar de ter assinado o Acordo de Paris para redução de gases poluentes com efeitos de estufa, continua sem tomar decisões políticas, claras, que garantam um mundo menos poluído.

Nas ruas de Moscovo, há quem pense que tudo isto é apenas mais um ciclo natural e que não há qualquer motivo para preocupações.

Os meteorologistas dizem que o recorde desta terça-feira pode ser ultrapassado nos próximos dias, uma vez que o calor em Moscovo vai manter-se durante o resto da semana.