Mundo

Responsável dinamarquesa desmaia durante conferência de imprensa sobre a AstraZeneca

Ritzau Scanpix Denmark

Imagens captadas no local da conferência de imprensa mostram o momento em Tanja Erichsen desmaiou.

Tanja Erichsen, diretora da agência do medicamento da Dinamarca, desmaiou durante uma conferência sobre a decisão de suspender o uso da vacina da AstraZeneca no país.

Por precaução foi levada para o hospital e, segundo a BBC, estará a recuperar.

As autoridades de Saúde dinamarquesas confirmaram, esta quarta-feira, que o país ia suspender o uso da vacina AstraZeneca contra a covid-19. As razões apontadas são os efeitos secundários "raros, mas graves" que se têm vindo a verificar.

“As autoridades sanitárias dinamarquesas decidiram continuar a vacinação contra covid-19 sem a vacina da AstraZeneca”, lê-se num comunicado, citado pela Reuters.

  • Confidentes de alunos e cúmplices de professores: o braço contínuo

    País

    Chamam-lhes “funcionários” porque funcionam. A expressão até parece sugerir que eles são os únicos que “funcionam”, dentro de uma escola. Acalmem-se os tolos. Significa apenas que os “assistentes operacionais”, ou “auxiliares de ação educativa”, títulos mais pomposos do que “contínuos” – expressão que estimo muito - são pau para toda a colher.

    Opinião

    Rui Correia