Mundo

Negociações para restabelecer acordo nuclear com Irão retomadas hoje em Viena

Central nuclear de Bushehr, Irão.

Raheb Homavandi/ Reuters

Estarão presente representantes da China, França, Alemanha, Rússia, Reino Unido e Irão.

As negociações para restabelecer o acordo nuclear com o Irão vão ser retomadas no domingo, em Viena, Áustria, indicou o Serviço Europeu para a Ação Externa.

Será a sétima ronda das negociações iniciadas em abril sob coordenação da União Europeia e a sua convocatória surge no dia em que o ultraconservador Ebrahim Raisi foi eleito Presidente do Irão.

Os países do acordo nuclear com o Irão, conhecido como Plano de Ação Conjunta Global, negoceiam na capital austríaca desde o início de abril para encontrar um mecanismo que permita o regresso ao pacto por parte dos Estados Unidos e Irão.

Na reunião de domingo estarão representantes da China, França, Alemanha, Rússia, Reino Unido e Irão (este último não cumpre grande parte do acordo nuclear, sobretudo quanto à produção e pureza de urânio enriquecido).

Os Estados Unidos, que abandonaram o tratado em 2018, participará nesta ronda de negociações de forma indireta, através de intermediários, uma vez que o Irão recusa-se a reunir diretamente com os norte-americanos.

O novo Presidente norte-americano, o democrata Joe Biden, quer voltar ao acordo nuclear, mas exige que o Irão cumpra todas as suas obrigações. Teerão reclama, por sua vez, o levantamento prévio das novas sanções impostas pelo antecessor de Biden, o republicano Donald Trump.

O acordo nuclear, assinado em 2015, limitava o programa nuclear iraniano em troca do levantamento de sanções.

  • Dentro do coração
    4:23

    Futuro Hoje

    Há 7 anos no Futuro Hoje mostrámos pela primeira vez um pacemaker que se instala dentro do coração. Em Portugal há muitas pessoas a quem este aparelho salvou a vida. Só o Dr. Diogo Cavaco, cardiologista que introduziu esta técnica no país, já instalou mais de cem aparelhos destes.