Mundo

Passageiros expulsos de avião após discussão sobre apoio de braços 

Avião da companhia aérea United Airlines

David Zalubowski

Ambos foram impedidos de retomar o voo.

Dois passageiros foram expulsos de um avião nos Estados Unidos, momentos antes da descolagem, após uma discussão sobre a posição do cotovelo num dos apoios de braço.

Tudo aconteceu dentro de uma aeronave da companhia aérea United Airlines, no Aeroporto Internacional de São Francisco. O voo tinha como destino Las Vegas.

Um dos passageiros que assistiu ao conflito fez o relato nas redes sociais.

"Foi o meu primeiro voo em 15 meses e é claro que fomos reencaminhados para a porta de embarque porque dois passageiros envolveram-se numa luta sobre a posição do cotovelo nos apoios de braço", descreveu Jack Krawczyk no Twiiter.

Segundo o jornal SFGATE, os dois passageiros acabaram detidos e impedidos de retomar o voo.

Alguns utilizadores no Twitter aproveitaram a ocasião para criticar as condições das viagens em classe económica.

"Por isso é que eu ODEIO viajar em classe económica. Enfiam um bando de pessoas sem educação em assentos baratos, quase sem espaço para as pernas e para os braços e esperam que sejam civilizados?", lê-se numa publicação.


"Voar é uma coisa miserável. Temos de chegar cedo ao aeroporto, muito antes da hora do voo. O ar é seco. O ruído do motor é constante. Não sei como é que alguém entra num avião e pensa: 'Eu devia tornar isto mais difícil para todos'", disse outro utilizador.