Mundo

Autoridades ucranianas investigam morte de ativista bielorrusso em Kiev

Estão ser analisados vários cenários.

As autoridades ucranianas estão a investigar a morte do ativista bielorruso, encontrado morto num parque em Kiev.

Vitali Chychov, líder da organização humanitária Casa da Bielorrússia na Ucrânia, tinha sido dado como desaparecido na Ucrânia na segunda-feira. Tinha saído para uma corrida, mas não regressou.

Em conferência de imprensa, o chefe da polícia nacional confirmou que estão ser analisados vários cenários.

O caso de Vitali Chychov surge pouco depois de um incidente nos Jogos Olímpicos de Tóquio com a velocista bielorrussa Krystsina Tsimanouskaya, que disse ter sido forçada a retirar-se da competição e ameaçada de repatriação forçada por criticar a sua federação nos meios de comunicação social.

A atleta de 24 anos refugiou-se na embaixada da Polónia, da qual obteve um visto humanitário na segunda-feira.

Veja também: