Mundo

Tchizé e Isabel apresentam pedido de proteção policial para José Eduardo dos Santos

In this March 5, 2015 photo, Isabel dos Santos, reputedly Africa’s richest woman, attends the opening of an art exhibition featuring works from the collection of her husband and art collector Sindika Dokolo in Porto, Portugal. On Monday, Jan. 6, 2020, Angola’s foreign minister Manuel Augusto said that there is no political motivation behind the government’s demand for more than $1 billion from dos Santos, her husband and a Portuguese business partner. Isabel dos Santos is a daughter of Jose Eduardo dos Santos, who ruled the oil- and diamond-rich nation for 38 years until 2017. (AP Photo/Paulo Duarte)
In this March 5, 2015 photo, Isabel dos Santos, reputedly Africa’s richest woman, attends the opening of an art exhibition featuring works from the collection of her husband and art collector Sindika Dokolo in Porto, Portugal. On Monday, Jan. 6, 2020, Angola’s foreign minister Manuel Augusto said that there is no political motivation behind the government’s demand for more than $1 billion from dos Santos, her husband and a Portuguese business partner. Isabel dos Santos is a daughter of Jose Eduardo dos Santos, who ruled the oil- and diamond-rich nation for 38 years until 2017. (AP Photo/Paulo Duarte)
As filhas mais velhas acusam o Governo de Angola de estar ligado ao processo de deterioração da saúde do ex-Presidente angolano.

Em apenas uma semana, as duas filhas mais velhas de José Eduardo dos Santos têm reunido esforços para impedir que desliguem as máquinas que servem de suporte de vida ao antigo Presidente angolano. Para além de terem contratado uma advogada, esta sexta-feira dirigiram-se à polícia para avançar com um pedido de proteção, na sequência de suspeitas em torno do estado de saúde de Eduardo dos Santos. O relato é do jornalista da SIC, Nelson Mateus.

Tchizé e Isabel dos Santos entendem que o pai deve estar sob proteção policial no interior do Centro Médico Teknon, onde se encontra internado há uma semana. Isto, com base em suspeitas de que José Eduardo dos Santos foi envenenado e exigem uma investigação em torno das circunstâncias que levaram ao internamento do pai.

Além disso, as suspeitas também recaem sobre o Governo de Angola, que acusam de estar ligado ao processo de deterioração da saúde de José Eduardo dos Santos.

SAIBA MAIS

Últimas Notícias
Mais Vistos