Mundo

Pneumonia misteriosa faz três mortos na Argentina

Pneumonia misteriosa faz três mortos na Argentina
Virojt Changyencham
Nove casos foram identificados numa clínica privada.

Uma “pneumonia de origem desconhecida” provocou a morte a três pessoas região de Tucuman, no noroeste da Argentina, avançam esta quinta-feira as autoridades locais. A doença foi identificada numa clínica privada e há nove pessoas infetadas – oito das quais médicos na instituição.

Segundo o ministro regional da Saúde, Luis Medina Ruiz, as três mortes ocorreram desde segunda-feira. A terceira vítima mortal é “uma paciente de 70 anos que estava internada” na clínica onde surgiram os restantes casos.

O Laboratório de Referência Argentino do Instituto Malbran, em Buenos Aires, está a analisar as amostras para identificar a origem desta pneumonia, tendo já sido descartada a covid-19, influenza tipo A e B e o hantavírus (transmitido por roedores).

Luis Medina Ruiz avançou que as autoridades estimam que esta pneumonia seja causada por um agente infeccioso, mas ressalva que “as causas tóxicas, ambientais” não foram excluídas. Por essa razão, estão a ser analisados os sistemas de água e ar condicionado da clínica.

Os principais sintomas desta pandemia são, o ministro regional de Saúde, “uma condição respiratória grave com pneumonia bilateral e imagens muito semelhantes à covid-19”, sublinhando que a ligação com o coronavirus “foi descartada”.

Os primeiros seis casos começaram a apresentar sintomas entre os dias 18 e 22 de agosto. Posteriormente foram identificados mais três casos, estando dois internados e um a ser acompanhado em casa.

Últimas Notícias
Mais Vistos