Mundo

Menina de três anos ficou durante horas esquecida num autocarro escolar

Menina de três anos ficou durante horas esquecida num autocarro escolar
SDI Productions/Getty Imagens
O caso aconteceu esta semana na região de Barcelona.

Chega da vizinha Espanha, mais concretamente da região de Barcelona, o caso de uma menina de três anos que ficou esquecida num autocarro escolar durante sete horas. Sim, leu bem, sete horas e ninguém deu pela falta da pequena.

Apesar de a menina estar bem de saúde, a família está indignada com o sucedido e já denunciou o caso às autoridades.

“Durante a noite [a pequena Lucía] estava muito stressada, questionou-nos sobre o porquê de ter ficado sozinha. Vai demorar algum tempo até que consigamos voltar pô-la num autocarro escolar”, disse o pai à televisão TV3.

O episódio, relata o El País, aconteceu esta segunda-feira. O autocarro escolar transportava cerca de 60 meninos para a escola Maria Ossó de Stiges. À chegada, todos saíram, menos Lucía.

As duas monitoras também saíram do autocarro e o motorista estacionou o veículo no parque, mas nenhum deles deu conta da menina.

Só pelas 16h00, quando o motorista voltou ao autocarro para iniciar a recolha dos meninos é que deu pela presença de Lucía. Deu-lhe algo para comer e levou-a ao centro de saúde.

“Ela ainda tentou sair do autocarro. Estamos profundamente indignados porque podia ter acontecido algo muito grave”, diz o pai.

Em curso para apurar responsabilidades está uma investigação interna ao sucedido, anunciou a empresa que gere o transporte escolar, mas a troca de acusações já começou.

A companhia de autocarros Plana assegura que a responsabilidade cabe aos monitores e que a função do motorista “é conduzir”. Por outro lado, a Fundación Pere Tairrés, que faz a atribuição dos monitores, refere que antes de abandonar o veículo, o motorista deve confirmar que não fica ninguém no autocarro".

Últimas Notícias
Mais Vistos