País

Aeronave despenha-se em Tires, cinco mortos confirmados

Uma avioneta despenhou-se esta segunda-feira junto a um supermercado em Tires, perto do aeródromo. De acordo com testemunhas oculares terá explodido em pleno voo. Pelo menos cinco pessoas morreram. Três dos ocupantes da aeronave eram franceses e o quarto era suíço.

Última atualização às 17:17

Já está extinto o incêndio que defalgrou após a queda de uma aeronave na zona de descargas do supermercado Lidl.

O incidente aconteceu pouco depois do meio-dia. A aeronave despenhou-se sobre um camião que descarregava legumes.

A bordo seguiam um piloto e três outras pessoas, segundo fonte do Aeródromo de Tires. Os quatro morreram e, de acordo com o CDOS, há outra vítima mortal. Segundo a Proteção Civil, três ocupantes da aeronave eram franceses e um suiço.

Até ao momento, não há confirmação sobre quem seria a quinta vítima: se estava no parque de estacionamento do Lidlm ou se era o motorista do camião.

O Presidente da República Marcelo Rebelo de Sousa esteve no local.

Uma testemunha ocular disse à SIC que o aparelho tinha acabado de levantar voo e que rodopiou antes de cair. As testemunhas ouvidas no local falam em duas explosões, quando a aeronave caiu.

A avioneta acidentada é uma Piper PA-31T Cheyenne II com matrícula suíça.

No passado dia 14 saiu de Geneva, fez escala em Marselha e aterrou em Tires. Hoje, saiu de Tires mas a caiu pouco depois de descolar.

Modelo da avioneta que se despenhou

Modelo da avioneta que se despenhou

Segundo as autoridades, o incêndio encontra-se em fase de rescaldo e estão a ser feitas buscas secundárias aos imóveis afetados, à procura de eventuais vítimas.

O incidente fez também "quatro feridos leves", três dos quais são idosos que foram levados para o hospital de Cascais por inalação de fumos; e o quarto foi assistido no local.

No socorro às vítimas e no combate ao fogo da explosão, estiveram os bombeiros de Carcavelos, Alcabideche, Estoril e Parede, elementos da Proteção Civil. No total, estiveram cerca de 90 operacionais e 37 veículos.

ANT\303\223NIO COTRIM

O secretário de Estado da Saúde também esteve no local, onde disse que "nada justifica este acidente".

Vários elementos do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras estão no local.

De acordo com a Proteção Civil, nove pessoas ficaram desalojadas na sequência da queda da aeronave. O comandante Pedro Mendonça acrescentou que "não foi preciso realojá-las porque vão ficar com familiares".

No local, estiveram ainda representantes da embaixada de França.

  • Ciclone Kenneth deverá provocar chuvadas e ventos de 140 km/h
    1:08